sábado, 24 de dezembro de 2011

Roberto Carlos na minha vida - OS DISCOS

Desde que me conheço por gente escuto Roberto Carlos. Só sabia que existiam dois discos em casa, o de 78 e o de 69, esses são os que eu me lembro num primeiro momento. E na casa de uma tia minha os discos de 1972 e 1977, poxa, logo dois que eu não tinha... Contabilizando já eram quatro... cocei a cabeça e pensei algo como (eu quero ter todos esses) sem imaginar que existiam tantos outros que eu ainda viria a conhecer.

Minha mãe conta até os dias de hoje que quando eu chorava a noite, impossibilitando o sono tranqüilo do meu pai que trabalharia no dia seguinte, minha mãe colocava Acalanto de 1972, mas essa eu lembro que tinha um compacto em casa.

Na verdade esse comentário é uma introdução aos discos que fizeram e fazem parte da minha vida. Minha coleção é muito humilde, mas hoje em dia, para alguns discos, duas ou três edições em LP, compactos e mais fita cassete original da época. Mas colecionar Roberto Carlos é igual colecionar Beatles e Elvis, extremamente complicado. No caso de Roberto Carlos é mais difícil ser colecionador, pois ele tem disco lançado nos cinco continentes, países diversos. Não sou colecionador, mas tenho algumas revistas com reportagem sobre o Roberto, ou revista em homenagem, revista programa de show, fitas de vídeo, DVDs, ingresso de show que eu fui, o que eu consegui colecionar até hoje me deixa feliz. Não pára, até hoje se vejo um artigo ou uma reportagem trato logo de conseguir.

Ter tudo é complicado. E não se restringe a discos. Filmes, apresentações em TV, participações como no filme Minha Sogra é da Polícia de 1958 e por aí vai.

Os especiais da Rede Globo de fim de ano, que começaram no ano em que eu nasci 1974, quem gravou, gravou. Quem não gravou na época ou consegue com algum amigo robertista ou compra no mercado negro. Enfim, sou um fã doente e me vi na obrigação de criar esse blog também para externar quais os vídeos que eu mais gosto, quais os discos, quais reportagens e revistas eu achei interessante. O blog não terá uma sequência cronológica, mas tentará contribuir com o que já existe na rede sobre Roberto Carlos e Erasmo Carlos. Claro, na visão de fã.

Nenhum comentário:

Postar um comentário